domingo, 31 de julho de 2011

Mulher passa mal depois de uma cirurgia em posto odontológico

Um fato acontecido. Uma mulher vai a um posto odontológico em uma escola estadual fazer um tratamento bucal e a dentista faz uma extração dental removendo o seu dente.
Ai a mulher volta para casa e o dente infecciona ai a mulher volta no posto ai à dentista faz uma raspagem no lugar infeccionado. Ai o fato piora e a mulher se queixando de dor a indicada a outro profissional... Que tenta de tudo para reverter à imperícia da doutora que eu não acredito quer seja cirurgião dentista, pois pelo pouco conhecimento que eu tenho um posto de atendimento não tem a capacidade de fazer uma cirurgia bucal em uma mulher, mas mesmo assim foi feito a cirurgia...
Agora e só espere o final dessa historinha, pois eu ouvir dizer que a paciente esta passando muito mal.. Pela imperícia da doutora
Outra coisa e que a mulher que esta passando por isso não tem muita cultura para saber que isso e caso de justiça

CRO - MG - Conselho Regional de Odontologia de Minas Gerais

Prefeitura de Teófilo Otioni lança mais uma obra do PAC

Postado em 28/07/2011 às 00:15 hs

A Prefeitura de Teófilo Otôni, por meio da Secretaria Municipal de Obras, realiza nesta quinta-feira (28) mais um lançamento de obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A solenidade ocorrerá na Rua Soares da Costa, 700. 


Desta vez, o bairro beneficiado com o programa é o Concórdia, região Oeste da cidade. Será feito manejo de águas fluviais em três locais: Ruas Soares da Costa e Benjamim Constant e Travessa Amauri da Costa Pereira. O valor da obra é estimado em R$ 1.700.000,00.

O programa já foi lançado nos Bairros Castro Pires, Vila Esperança e Solidariedade, com as obras já tendo sido iniciadas. Outro lançamento está sendo agendado para os Bairros Tabajaras e Laerte Laender. 

Para cumprimento da execução do programa, a Secretaria de Obras conta com apoio das Secretarias de Planejamento e Ação Social.

Estarão presentes no lançamento das obras do PAC a prefeita Maria José, Alexandre Leite (secretário de Obras) e Madrilene Souza (secretária de Planejamento).

quarta-feira, 27 de julho de 2011

LÉO MAGALHãES: O TEÓFILO-OTONENSE QUE ARRASTA

MULTIDõES PELO BRASIL


TEÓFILO OTONI – No início da noite desta segunda-feira (05), na casa recém adquirida por ele para sua mãe, no bairro Castro Pires, o cantor Léo Magalhães forneceu uma exclusiva entrevista ao jornal DIÁRIO. Sereno, centrado no trabalho e com a humildade de sempre ele falou sobre sua rotina de shows, a paixão por T. Otoni e o sucesso nacional cada vez maior, principalmente após tirar o segundo lugar no quadro Garagem do Faustão, do Programa do Faustão da Rede Globo, no início deste ano. De gravadora nova, a Som Livre, e contente com o atual momento artístico que vive, ele deixou seu recado carinhoso para os fãs da cidade e região. E tudo no tempo de um artista que viaja pelo Brasil inteiro realizando shows. Ele viajou na manhã da terça para o Ceará onde tem três apresentações na semana, na terça em Fortaleza, hoje em Maracanaú e amanhã na cidade de Jaguaribe. Outra novidade revelada com exclusividade ao jornal é a inauguração da nova estrutura de show, avaliado em R$ 1,5 milhão, durante o Festival da Cachaça de Novo Cruzeiro, em Setembro.

DIÁRIO – O aumento da sua exposição na mídia depois do programa Domingão do Faustão mudou muito a sua rotina?
LÉO MAGALHÃES – O Domingão do Faustão foi à conseqüência de um trabalho que vem sendo feito há muitos anos. Fiquei muito feliz ao participar do programa, pude mostrar aquilo que já vínhamos fazendo. Além dos mais já tínhamos o reconhecimento do público, principalmente dos nordestinos. Mas, sem dúvida nenhuma foi uma exposição positiva para o meu trabalho. Lá assinei o contrato com a Som Livre, a gravadora oficial dos principais artistas do Brasil. Hoje faço parte dessa gravadora que trabalha toda a minha parte de imagem, produção artística e musical. Estamos agora trabalhando muito e elaborando bastantes projetos para o ano de 2012.

Você pensa em se mudar para o eixo Rio-São Paulo, com o recente sucesso nacional?
Na verdade, hoje com o acesso fácil aos meios de comunicação, não vejo o porquê mudar para esse eixo. Tenho meu escritório em Goiânia, onde moro há algum tempo e estou bastante adaptado. Esse acesso me deixa um pouco mais tranqüilo em relação à moradia, apesar de ficar mais viajando do que em casa.

Sobre os próximos shows, quais locais irá se apresentar? A agenda está cheia?

Na noite desta quarta (06/07) estarei em Fortaleza, já na quinta (07/07) vou me apresentar em Maracanaú e na sexta (08/07) na cidade de Jaguaribe, ambas no Ceará. Graças a Deus a agenda está lotadíssima. Nesse mês de junho, época que representa para a musica sertaneja o carnaval para a música baiana, fizemos 22 shows. Entre eles o maior São João do mundo, em Campina Grande, no estado da Paraíba. Tocamos para um público de 100 mil pessoas. Outro local de apresentação recorde foi no Forró do Siri, em Socorro, no Sergipe. Lá estiveram presentes 210 mil pessoas. E neste mês de julho estamos com 18 datas fechadas.

E sobre os próximos trabalhos, o que o cantor Léo Magalhães pode adiantar para o público teófilo-otenense em relação a novidades?
Estamos trabalhando na divulgação do DVD lançado pela Som Livre. Em setembro estaremos presente no Festival da Cachaça em Novo Cruzeiro. Vamos nos apresentar no sábado. Espero muito ver todos os meus conterrâneos e amigos nesse show, pois inauguraremos a nova estrutura de show que está avaliada em R$ 1, 5 milhão (hum milhão e 500 mil reais) entre cenário, figurinos e outros.

Léo é notória a sua paixão por Teófilo Otoni, coisa rara no meio artístico, a que se deve esse tão grande amor?
Sou teófilo-otonense de coração, minha família, amigos, minha historia é aqui, e por isso é o primeiro lugar aonde penso em estar quando tenho uma folga, que são raríssimas. Quando chego trato logo de reunir todo mundo para compartilhar as minhas novidades e alegrias. Não sou arvore, mas as minhas raízes estão aqui.

Abrimos espaço para as suas considerações aos fãs de Teófilo Otoni e região.
Agradeço a todos os meus fãs, amigos, conterrâneos, familiares e a toda equipe do jornal DIÁRIO pelo carinho e apoio que vocês têm por mim. Muito obrigado mesmo. Todos vocês são as peças principais do meu sucesso. Em breve mais novidades. Abraços e Beijos de seu amigo Léo Magalhães!

Cerca de 100 mil pessoas compareceram no show de Léo no maior São João do mundo, em Campina Grande, na Paraíba
   

210 mil pessoas em Segipe, na cidade de Socorro, numa tradicional festa forrozeira

Onde quer que cante Léo é literalmente carregado nos braços pelo público

ENTREVISTA COM O EX DEPUTADO GETÚLIO NEIVA

EXCLUSIVO: DIÁRIO ENTREVISTA GETúLIO NEIVA

TEÓFILO OTONI – O jornal conversou com exclusividade com uma das figuras políticas mais emblemáticas, polêmicas, queridas, ojerizadas, e constantes do meio político do município e de todo o nordeste mineiro, Getúlio Afonso Porto Neiva. Ele se encontrou com o diretor do jornal para falar do que mais gosta, política e mídia. Apresentou projetos, opiniões, idéias, críticas e soluções para a cidade. Inclusive, disse que pode abrir mão de uma pré-candidatura a prefeito, caso seja de interesse da cidade e da população. Confira nesta edição a íntegra desta histórica entrevista.

DIÁRIO – Getúlio, o senhor fica ou sai do PMDB?
GETÚLIO
– Essa hipótese ainda não foi comentada, a não nos noticiários. Em verdade há vários partidos nos procurando com o objetivo de nos levar para outra legenda. No entanto isso só será discutido em meados de agosto a setembro próximos.

Quando surgiu esses comentários do senhor deixar o PMDB, partido histórico da sua carreira política?
Eu sou fundador do PMDB, que na verdade é o antigo MDB (partido que fazia oposição ao Arena, este ligado à ditadura militar iniciada em 1964). E por essa história temos um carinho muito especial pelo partido. Mas, atualmente, a legenda tem colocado uma posição muito contundente contra o governador Anastasia (PMDB), nome que eu defendo. Se essa posição for um obstáculo se torna uma opção a minha mudança partidária.

Como foi a sua saída do governo Anastasia?
Eu pedi demissão do cargo de subsecretário da Sedru no dia 01 de junho, calculando que a distância de T. Otoni atrapalha os meus projetos. Fui secretário-adjunto de Estado três vezes e estava na quarta vez ocupando este cargo. Fui duas vezes deputado, uma federal e uma estadual. Esse distanciamento só me prejudicou politicamente. Todas as vezes que fiquei longe do município perdia a eleição quando voltava. Então, preferi voltar para me preparar e me programar para o ano que vem.

Então o senhor confirma que vai se candidatar ano que vem a prefeito de T. Otoni?
Estou colocando meu nome. Claro que não é uma candidatura ainda, mas uma disposição de ser se houver um grande acordo partidário principalmente com a união de nossos deputados, buscando uma junção com Neilando Pimenta (PHS), Fabinho Ramalho (PV) e Ademir Camilo (PDT). Uma união maior em torno de T. Otoni porque a cidade está carecendo.

E os apoiadores para o ano que vem, o que já tem de confirmado?
Estamos estudando todas as alianças. Inclusive, fizemos contato com o presidente do PT de Minas Gerais, Reginaldo Lopes, com quem almoçamos e conversamos muito. Também não posso ser contra o governador, que tem investido imensamente na cidade. Foram mais de R$ 246 milhões nos últimos seis anos. Vamos compor todas as correntes, do PT ao PMDB, e demais partidos. A cidade é mais importante.

Qual sua proposta para prefeito no ano que vem?
Ainda não sou candidato. Fizemos dois governos bons à frente do município. No primeiro tivemos 89,6% de aprovação e no segundo saímos com 87% de aprovação popular. Mas, os votos aparecem também em função de outros recursos, especialmente o financeiro, o que é sempre mais difícil numa região carente como a nossa.

As estatísticas de 2008 diziam que sua vitória na corrida para prefeito era certa. O que houve de errado?
É verdade. Tínhamos 66% da preferência popular nas pesquisas. O que deu errado foi o fato de no dia 30 de setembro, faltando cinco dias para as eleições, ter sido colocado outdoors na cidade oferecendo 10 mil empregos diretos na ZPE e mais 40 mil indiretos, com as inscrições sendo feitas nos dias 02 e 03 de outubro. Infelizmente a Justiça Eleitoral não entendeu que essa foi a maior fraude eleitoral do Estado de Minas Gerais naquele pleito. Mas, creio eu que esse assunto ainda vai render muito, pois essa fraude custou muito caro para Teófilo Otoni.

Quais são as principais carências de Teófilo Otoni?
Do ponto administrativo há uma carência enorme na questão de mobilidade. Hoje, não se consegue andar a pé e nem de carro na cidade. É preciso abrir e alargar ruas e canalizar uma parte do rio Todos os Santos, pelo menos, ampliar áreas de tráfego de trânsito e consertar calçadas. Temos projetos para isto. Um projeto antigo que está na Prefeitura desde o nosso mandato é ligar a rua Manoel Martiniano até a Marcelo Guedes, numa intercessão no meio do caminho para interligar a rua Engenheiro Lindenberg. Precisamos ligar a avenida Guimarães, que liga o bairro Jardim São Paulo a Vila Esperança. São coisas que se complementam. Ainda temos o acesso à universidade federal. A nossa idéia é urbanizar aquela área, que ficou esquecida, que não tem uma perspectiva muito boa. Pretendemos negociar com os proprietários de terras no entorno da UFVJM no sentido de reservar uma área ainda maior para expansão da universidade.

O senhor apoiou Anastasia na última eleição para governador, devido a isso, existe a possibilidade de um apoio do governador ao seu nome para a eleição em T. Otoni?
Em 2008 o PSDB coligou com o PT nas eleições para prefeito de Belo Horizonte, fato este que demonstra que é possível sim. E digo mais, estamos abertos para negociar com o PT também. Em política tudo é possível. Temos que colocar de forma clara que Teófilo Otoni é mais importante do que siglas partidárias e interesses pessoais. Precisamos acelerar o passo e ter um governo arrojado no próximo mandato, seja por mim ou por outro candidato que poderemos apoiar. Iremos trabalhar para ter uma candidatura forte em Teófilo Otoni

Então, o senhor pode apoiar outro nome na eleição de 2012?
Posso apoiar outro candidato se houver a probabilidade eleitoral. Se outra pessoa tiver essa probabilidade eu abro mão da minha possível candidatura. A cidade está indo para a bancarrota. É preciso refazer os nossos caminhos.

O espaço está aberto para as suas considerações finais.

Queria dizer que o jornal DIÁRIO é importante para a cidade. É preciso dar as versões para todos os fatos, divulgar tudo, para que tenhamos um jornalismo mais forte. A história da imprensa escrita em Teófilo Otoni se divide em antes e depois do jornal DIÁRIO. A cidade precisa do DIÁRIO e isso não atrapalha em nada os jornais semanais. O trabalho pode ser ampliado e melhorado e nós queremos ajudar para que isso aconteça.

AO DIÁRIO FABINHO FALA COM EXCLUSIVIDADE SOBRE ZPE,

ALPARGATAS E ELEIçõES 2012

2011-07-20

A ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, e Fábio Ramalho ao lado do vice-presidente da república, Michel Temer, homenageado por ele em Brasília na casa do deputado
TEÓFILO OTONI – Em sua passagem pela cidade, o deputado federal Fabinho Ramalho (PV) concedeu uma entrevista exclusiva ao jornal DIÁRIO. O parlamentar falou sem ‘meias palavras’, da instalação da empresa Alpargatas em Montes Claros, e não em T. Otoni, ao contrário do que ele vinha defendendo nos últimos meses. De maneira sincera e até então inédita soltou sua opinião sobre a ZPE (“Temos de ser sinceros e dizer para as pessoas que a ZPE sozinha não vai resolver o problema de Teófilo Otoni”), e da possibilidade de construção da estrada de ferro ligando T. Otoni a Governador Valadares (“Eu tenho que falar com sinceridade. Não vejo nenhuma possibilidade. Hoje é um sonho”). Ele falou ainda de uma homenagem que prestou ao vice-presidente da república, Michel Temer (PMDB), na casa do deputado, em Brasília, além dos detalhes das conversas que vem mantendo com o governador Antônio Anastasia sobre a ZPE, eleições 2012, e o desenvolvimento econômico da região. Para ele a construção de uma T. Otoni maior e melhor, industrializada, é o passo primordial para o avanço sócio-econômico de todo o nordeste mineiro. Na oportunidade Fabinho também elogiou o jornal DIÁRIO e o povo teófilo-otonense. “Eu queria agradecer ao jornal DIÁRIO, que tem feito um trabalho sério, e agradecer ao público de Teófilo Otoni e região, destacando que sou um deputado que vai continuar trabalhando para o progresso local”.

Como manter a qualidade de liderar sem arestas no campo político?
Respeitando a ética, tendo o bom senso. Muito mais que isso é escutar as pessoas nas suas dificuldades. Em todas as comissões em que participo, procuro ser igual a todos os que estão lá. Nem maior e nem menor do que ninguém. Procuro me colocar como deputado eleito para representar os cidadãos que me levaram para o parlamento. Através dessa representação procuro trazer progressos para as pessoas que votaram em mim, para o meu Estado e assim para o meu país.

Como o senhor conseguiu espaço entre várias personalidades políticas de Minas Gerais e do Brasil em tão pouco tempo de Congresso?
A gente tem quatro anos e meio de bom relacionamento com ministros, parlamentares do Congresso Nacional (deputados e senadores) e agora também com a Presidente da República, além do vice-presidente da nação, de quem somos muito amigos. A gente sempre reúne na minha casa para comer uma comida mineira com doces, carne de sol da região, a leitoa mineira dentre vários outros. Então, através dessa mesa mineira a gente discute e escuta bastante sobre os assuntos, pois o mineiro é aquele que gosta de escutar. A gente está nessa fase de estar sempre escutando e ao mesmo tempo procurando levar as nossas idéias. Um dia desses, eu almoçava com o Robson, presidente da Confederação Nacional da Indústria, e falava com ele a importância que se tem em obter uma indústria para Teófilo Otoni. O Robson está comigo nessa caminhada. O Olavo, que é o presidente da Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg), o governador de Minas, a bancada de Minas entre os deputados federais, o Senado, todos estes estão nos apoiando. Por isso, quando se fala da nossa influência em Brasília, é falar das nossas amizades. Não pedimos nada em troca, apenas levamos nossos pedidos que, na maioria deles são atendidos, pois todos sabem que queremos esta região de Minas melhor para se viver.

Quais são os projetos para o Vale do Mucuri e para o Estado de Minas Gerais?
Nossa ação principal é tentar a implantação da faculdade de Medicina e outros cursos como Odontologia e Enfermagem para que a UFVJM seja uma universidade que gere progresso, formando pessoas bem qualificadas. Pensamos também na instalação de uma escola técnica profissionalizante, pois quando se fala em cursos, fala-se em qualificação voltada para determinadas áreas. E nosso trabalho em Brasília também é voltado para Minas Gerais, para projetos que são mineiros. A gente sempre defende os projetos que são bons para o Brasil, votando e consequentemente os viabilizando. Dentre as pautas nacionais temos o projeto “Minha casa, Minha Vida”, que está estruturado moradias para todo o país, inclusive, T. Otoni e região.

E sobre a questão industrial, o que a população local pode aguardar sobre investimentos nesta área na cidade e região?
Num primeiro momento tentamos instalar em T. Otoni a Alpargatas (empresa fabricante das sandálias Havaianas). Eu e o governador Anastasia, mais o senador Aécio Neves (PSDB) tentamos através de conversas pessoais e até mesmo e-mails a implantação desta indústria na cidade. Mas, infelizmente ela não veio. Porém, o governador garantiu que tem o compromisso de trazer uma indústria de grande porte para atender a demanda de Teófilo Otoni, que possa dar dignidade ao povo dessa região. Eu penso que o governador vai realizar alguma coisa nesse sentido, principalmente porque o senador Aécio tem a mesma opinião.

Como anda o processo de implantação da ZPE de Teófilo Otoni em Brasília?
A ZPE está sancionada. Ela não vai sair de Teófilo Otoni. Ela tem alguns entraves que me parecem serem jurídicos. Anastasia está tentando viabilizar esses entraves para que o Estado possa ter uma participação e colocá-la para funcionar. Temos de ser sinceros e dizer para as pessoas que a ZPE sozinha não vai resolver o problema de Teófilo Otoni. A ZPE é boa, mas ela não resolve o que resolveria a 30 anos atrás. Claro que há muita divergência entre as pessoas sobre essa opinião, pois, na verdade, querem vender uma coisa que não existe. A ZPE vai sim ser instalada em Teófilo Otoni, tanto é que já está sancionada. E não existe nenhuma outra ZPE sancionada por Lei federal além da nossa. Depende apenas da instalação, e o próprio prédio da ZPE de T. Otoni já está instalado. A partir do parecer favorável da Advocacia Geral do Estado, o governador cumprirá sua parte, a de assumir e implantar definitivamente o empreendimento. E com isso, a ZPE vai funcionar e gerar riquezas e trabalho para a população. Mas, saliento e lutarei para que além da ZPE cheguem mais empresas para a cidade.

Especula-se na cidade sobre a instalação de uma ferrovia ligando Governador Valadares a Teófilo Otoni. Existe a possibilidade disso acontecer?
Eu tenho que falar com sinceridade. Não vejo nenhuma possibilidade. Hoje é um sonho. Se a gente tiver muito minério pode ter certeza que terá a chance. Pois, para você ter uma linha férrea, precisa-se, sobretudo de ter o que vai ser carregado nos vagões. A gente torce, faz e tenta viabilizar, mas hoje, a linha férrea vai até onde se tem muita produção agrícola e produção de minério. Além de ser uma estrada cara, é uma estrada criada para gerar riquezas. E não adianta a gente vender ilusões para as pessoas. Ainda não vi nada a nível nacional para instalar uma linha férrea em Teófilo Otoni. Agora, em se falando de Brasil, de necessidade no país para melhorarmos o escoamento de nossos produtos, precisamos sim de muitas linhas férreas, porque a nossa malha ferroviária está em 22 mil quilômetros enquanto que a malha da Índia, por exemplo, é de 250 mil quilômetros. A gente tem que olhar que a infra-estrutura de uma estrada de ferro custa muito dinheiro e para um empresário investir tem de haver retorno.

E no esporte? O que pode ser feito?

Em relação ao time do América posso garantir que estamos prontos para ajudar no que for preciso e necessário. Esses dias, o presidente do clube, Nodje Walter, me ligou e conversamos bastante sobre o assunto. Estive junto ao time durante a gestão de Marcelo Ramos à frente do clube, e não cabe a mim diferenciar gestor ou presidente do time, quero é ajudar. Cabe a Nodje Walter fazer uma gestão tão boa quanto foi a do Marcelo.

O senador e dirigente do Cruzeiro, Zezé Perrella, deve enviar jogadores de qualidade para Teófilo Otoni, já que há uma parceria entre os dois clubes?
O Zezé me fez o compromisso de dar continuidade a essa parceria. Agora, o trabalho do gestor é muito importante. Tínhamos um bom administrador no América. Eu espero que eles coloquem outro à altura do que tinha. Estou pronto para ajudar no que for preciso, e isso é indiferente a quem esteja à frente do clube, assim como temos parceria com a prefeitura de Teófilo Otoni em relação à maioria das obras da prefeita Maria José (PT), o objetivo, nesse caso, é dar qualidade de vida para as pessoas que aqui residem. Então, no América, não é diferente. A parceria é para que o clube continue sendo bem administrado visando não decepcionar os torcedores e a cidade em geral.

Em Teófilo Otoni, o Partido Verde vai lançar algum candidato a prefeito?
O PV em Teófilo Otoni está constituído e a gente vai conversar no momento adequado. Nós vamos ver qual o melhor caminho para Teófilo Otoni. Penso que a gente tem que procurar candidatos que for cuidar da cidade, da maneira como ela merece, cuidar com carinho, cuidar com muito trabalho. Acho que o município está clamando por alguém novo na política, alguém que não precisa ser necessariamente um político. A cidade quer um administrador, alguém para tomar conta dela, para que ela possa realmente progredir. A cidade precisa também, é claro, do deputado federal, e a população pode ter a certeza que eu vou fazer de tudo para apostar num candidato que realmente atenda a população e seus diversos segmentos, os cambalacheiros, trabalhadores da praça Tiradentes, do Mercado Municipal, costureiras, professoras, os jovens, os caminhoneiros, comerciantes e comerciários, enfim todos aqueles que trabalham para a cidade, e, com isso transformá-la em um lugar melhor para se viver. O que eu posso afirmar é que podem contar comigo. Vou trabalhar procurando contribuir para satisfazer os sonhos da população. Já conversei com a prefeita Maria José e estou ouvindo todos os políticos e as pessoas que me ajudaram, o vice-prefeito Antônio Valter (PSC) e a vereadores Fátima Dantas (PSC), o vereador Ilter (PSDB), os empresários, o povo, a imprensa. Eu saio às ruas e vou escutando cada pessoa para que a gente possa construir uma T. Otoni que todos desejam. Eu tenho certeza que construindo uma T. Otoni melhor e maior alavancamos toda a região.


Nesta entrevista Fabinho defendeu T.O. de peito aberto, falando de seu trabalho junto aos políticos em Brasília e BH para que a cidade tenha uma indústria de grande porte, capaz de promover plenamente o desenvolvimento local

Vale do Mucuri Rumo ao desenvolvimento........

Viver Minas

Rumo ao desenvolvimento

Viver Minas desembarca no Vale do Mucuri movimentando negócios e valorizando a cultura regional


Envie seu comentário

Os vales do Jequitinhonha e Mucuri apresentam o pior Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de Minas Gerais. Porém, não lhe faltam riquezas minerais, a força da agropecuária, o potencial para o comércio e serviços, além da capacidade de trabalho, comprovada pela grande mão de obra disponível. Mas para promover o desenvolvimento econômico e social nessas regiões é preciso muito trabalho, estruturado com mobilização de entidades públicas e privadas. 
A sinergia entre lideranças políticas, econômicas e os empresários apontando rumos e soluções para os problemas e avanços dos vales do Mucuri e Jequitinhonha foi pauta do 2° Conexão Empresarial Regiões de Minas, promovido pela revista Viver Brasil na cidade de Teófilo Otoni, no final do mês de abril.
A presença de políticos e empresários marcou, de forma contundente, o encontro entre personalidades com poder de decisão, reforçando a carência das regiões, suas necessidades, suas conquistas e perspectivas econômicas para os próximos anos. “O projeto tem um sabor muito especial. Vamos fomentar o desenvolvimento, apontar as dificuldades das regiões e discutir soluções”, disse o diretor da VB Comunicação, Gustavo César de Oliveira, abrindo o evento. 
Com a frase “cidade nenhuma é uma ilha”, a prefeita de Teófilo Otoni, Maria José Haueisen Freire deu início às suas palavras. “Estamos vivendo um momento de regionalização. Podemos perceber que as cidades dos vales do Mucuri e Jequitinhonha estão se integrando, cada qual apontando suas carências e dividindo suas conquistas. Temos o menor IDH do estado, mas não nos faltam potencialidades, pois temos um dos maiores capitais humanos”, disse a prefeita, destacando a iniciativa do evento. “Acho a iniciativa muito boa, pois o que não é visto não pode ser amado e desejado.” 



Palestrante: secretário municipal da Indústria e Comércio de Teófilo Otoni Bruno Gonçalves Balarini
A educação foi destaque na palestra do deputado federal Fabinho Ramalho, político influente que atua há anos na região. “Estou lutando para que o curso de medicina seja criado em Teófilo Otoni, além de construirmos um hospital regional na cidade”, ressalta. Investimentos com planejamento é a preocupação do secretário municipal da Indústria e Comércio de Teófilo Otoni, Bruno Balarini. “O setor de prestação de serviços está em curva ascendente. Precisamos qualificar a mão de obra para empregar cada vez mais. O que falta é planejamento para modernizar as relações intermunicipais, valorizar as potencialidades econômicas, fomentar as cadeias produtivas, além de respeitar nossa história e promover uma identidade própria da região”, enumera o secretário. 
Buscar uma identidade para os municípios é o alicerce para construir parcerias sólidas. E enxergar a conjuntura econômica dos municípios de forma abrangente, analisando tanto a economia brasileira como a mundial, é uma das soluções apontadas pela presidente da Fiemg Regional Rio Doce, também responsável pelo Vale do Mucuri, Rosane Maria Rocha Azevedo. “Precisamos criar uma unidade para promover parcerias. Quanto mais as cidades se unirem, mais conseguiremos progredir e fazer com que o governo olhe para nossa região. É de extrema urgência a busca de parcerias para atuação mais eficiente em Teófilo Otoni, com o objetivo de desenvolver o trabalho com foco em toda a indústria, gerando emprego e renda”, disse, apontando que das 120 mil empresas em Minas Gerais, 62 mil não geram mão de obra. “Além disso, 90% das empresas têm baixo índice de produtividade de escala e baixa competitividade.” 



Leonardo Otoni Leal e Ricardo Rodrigues
O desenvolvimento econômico também é a preocupação do sub-secretário de Estado e Desenvolvimento Regional e Política Urbana, Getulio Porto Neiva. “Se não cuidarmos urgentemente da gestão ferroviária, não haverá desenvolvimento. Ninguém transporta minério pelas estradas e sim por estrada de ferro. O PIB de Minas cresceu 10,59% em 2010, enquanto os vales cresceram apenas 5,1%, uma região que tem potencial para produzir 20 bilhões de toneladas de minério”, 
contrapõe. Neiva acredita que não adianta o estado investir em obras que não reproduzem efeitos diretos para a sociedade, que não melhoram o IDH e a renda per capita. “Faltam decisões políticas para investir e não atrapalhar o que já foi feito”, completa. 
Para o presidente do BDMG, Matheus Cotta de Carvalho, o desenvolvimento econômico depende da capacidade de empreender. “Precisamos pensar na estabilidade dos contratos, na carga tributária que incide ao empreendedor e provermos condições para que as empresas possam investir e crescer. A síntese de todo nosso esforço deve ser na geração de empregos. O banco se disponibiliza como um agente do desenvolvimento, uma maneira para que a região se desenvolva com qualidade e segurança”, disse. 
O vice presidente da Fecomércio Minas e diretor do Sindicomércio de Teófilo Otoni, Iesser Lauar, disse que o comércio da cidade precisa crescer. “Cerca de seis mil trabalhadores dependem do comércio da região. Atualmente, Teófilo Otoni possui dois mil estabelecimentos comerciais e 30% da receita dessas empresas vem do consumo das cidades vizinhas. O maior problema dos vales é o padrão de renda da população, que precisa melhorar. O governo precisa ser o indutor do desenvolvimento”, disse Lauar. 
Empresários de peso também estiveram no evento e aprovaram a iniciativa do Grupo VB Comunicação. “É raro acontecer essa mobilização em Teófilo Otoni. O evento é importante para reunir os empresários, discutirmos ideias e apontarmos as principais tendências dos municípios”, disse o diretor administrativo da  Alcance Engenharia, Bruno Lorentz, acompanhado do diretor de operações Ricardo Macedo.
Os sócios da Fábrica de Ideias, empresa com atuação em prospecção de negócios com quatro unidades em Minas Gerais, e uma recente em Belo Horizonte, Leonardo Otoni Leal e Ricardo Rodrigues compartilham da opinião dos empresários. “É uma iniciativa excelente para fomentar a economia e empreendimentos dos vales”, disse Leal.



Cultura na praça

O folclore, a música e a poesia chegaram cedo na manhã de sábado em Teófilo Otoni. O Expedição Viver Minas, realizado pela Viver Brasil, desembarcou em um palco repleto de cultura, história e tradições. A festa começou com a apresentação de “As Pastorinhas”, grupo de 30 idosos que cantam e encantam a música folclórica do Vale do Mucuri. “O grupo foi criado em 1979 por Rita de Souza. Na época, era formado por crianças que cantavam pelas ruas de Teófilo Otoni nas festas de Natal. Com o passar do tempo, Rita resolveu criar um grupo apenas com idosos. E estamos por aí cantando até hoje”, conta a coordenadora do grupo Erotides Quental, 81 anos. A filha da fundadora do grupo, Maria Helena Otoni, conta que, após a morte da mãe em 2005, não poderia deixar de dar continuidade às apresentações folclóricas. “Iniciativas como esse evento na praça são fundamentais para reunir a família, estimulando o respeito ao passado e nossas riquezas”, disse Maria Helena. 
O dentista Euler de Castro Machado, acompanhado pelo filho, nora e neta, se divertiu assistindo às apresentações. “É espetacular a festa, principalmente para promover os artistas locais”, considera. Juan Pablo Vieira, artista de Teófilo Otoni e diretor musical do coral Imaculada Conceição acredita que a prefeitura poderia estimular mais os eventos na cidade. “Os músicos precisam de apoio. São raros os momentos como esse. Precisamos de espaço para cantar nossa MPB, tem muito funk por aqui”, reivindica. 
Entre choros e músicas folclóricas, a poesia pediu passagem. “Teofilo Otoni é assim, amor e emoção. Pedaço de mim, te levo no coração. Tem pedras preciosas (sim senhor). Comércio e Pecuária (de valor). O futuro pela frente, envolvendo a gente. Um povo cativante, alegre e sorridente”, recitou o poeta membro da Academia de Letras de Teófilo Otoni, Tadeu Laert, envolvendo todo o público presente em um dia dedicado à celebração das riquezas do Vale do Mucuri.





Empregos à vista

Alpargatas poderá se instalar em Teófilo Otoni

Em entrevista à Viver Brasil, o deputado federal Fabinho Ramalho falou sobre a vinda da empresa Alpargatas a Teófilo Otoni. A indústria alavancaria o desenvolvimento econômico na região, já que geraria cerca de cinco mil empregos. 
Teófilo Otoni tem estrutura para receber uma empresa de grande porte como a Alpargatas?
Não só tem estrutura como necessitamos urgentemente de uma indústria desse porte. Seria a salvação para o Vale do Mucuri, área que foi esquecida e possui grande população ociosa pronta para trabalhar.
Além de Teófilo Otoni, outra cidade pleiteia a instalação da empresa?
Tive informações que Montes Claros está na lista das cidades que lutam para atrair a empresa. Porém, acredito que Montes Claros já possua muitas empresas desse porte e, se formos considerar os efeitos benéficos para a população e os critérios de necessidade e urgência, Teófilo Otoni está na frente.  
Muitos projetos para atrair empresas estão sendo feitos em Teófilo Otoni. O que falta fazer?
Falta o governo criar uma lei que considere o IDH. Quanto menor for o IDH de uma determinada cidade, mais incentivos fiscais poderiam ser concedidos para as empresas se instalarem por lá. Teófilo Otoni recebe cerca de um milhão de pessoas por mês no comércio e atendimento na área de saúde. Tem muita mão de obra disponível. A única maneira de salvarmos a região é gerando emprego. Precisamos resgatar a dignidade das famílias por meio do trabalho. 

Mais fotos do 2° Conexão Empresarial Regiões de Minas




Tv Imigrantes ( ALZEMAR O NINJA DE TEOFILO OTONI) 

 


Enviado por NEOPC1231 em 27/07/2011 
Alzemar Gomes , é acusado de danificar 10 veiculos, na reportagem ele ate joga capoeira durante 
a entrevista alem de dizer que é atacante do america de T.Otoni, reportagem de Elvis Passos e 
 Kassem Said

  

 Obs:
Detalhe Alzemar nasceu no mesmo lugar onde o Repórter Elvis Passos NAsceu = TOPAZIO , então possivelmente haja um grau de parentesco kkkkkkkkkkkkkkkk

 NEOPC1231 6 meses atrás

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Homem é preso acusado de bater na própria mãe em Poté


25 de Jul de 2011 - 11h52min

Foto: Marcos Pereira
Clique para AMPLIAR
O acusado deverá ser enquadrado na Lei Maria da Penha

A Polícia Militar de Poté, no Vale do Mucuri, prendeu em flagrante, neste fim de semana, um homem acusado de tentar agredir a própria mãe. A ocorrência foi no bairro Sofia Colen.
Segundo a polícia, Flavio Mendes de Souza ,de 32 anos, já foi preso mais de 20 vezes pelo mesmo motivo.
A  senhora Leivina Mendes, de 67 anos, que tem graves problemas de saúde, não agüentado mais a situação foi pessoalmente à delegacia denunciar o filho. “Ele  sempre chega em casa alcoolizado e me agride, além de quebrar tudo dentro de casa”, desabafou a mulher que pediu a polícia para manter o filho na cadeia.
O acusado  foi preso e deverá ser enquadrado na Lei Maria da Penha.

Sites de Teófilo Otoni-MG

www.teofilootoninoticias.blogspot.com - Teófilo Otoni Noticias
Sites relacionados:




Rádio 98.9 Fm Teófilo Otoni
http://www.radio98to.com.br/
JORNAIS E A NOTICIA - Teofilo Otoni Noticias - Teofilo Otoni - brasil
http://www.worldnewspaper.com.ar/portuguese/brasil/Teofilo-Otoni-Noticias-Teofilo-Otoni.1456.html
Rádio 98Fm Teófilo Otoni - - - - - - - - - - - -
http://www.radio98to.com.br/site/index.php
Teófilo Otoni, Minas Gerais - Portal - Notícias, Fotos, Mapa ...
http://www.brasilocal.com/minas_gerais/teofilo_otoni.html
Teófilo Otoni – notícias « imprensa
http://www.prt3.mpt.gov.br/imprensa/?tag=teofilo-otoni
Teófilo Otoni - Desciclopédia
http://desnoticias.org/wiki/Te%C3%B3filo_Otoni

Concurso da Secretaria de Estado de Educação

Concurso da Secretaria de Estado de Educação

PDFImprimirE-mail

CONCURSO DA SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO - EDITAL SEPLAG/SEE Nº 01/2011)
Prezado(a) Candidato(a), para esclarecimento de dúvidas sobre o concurso da Secretaria de Estado de Educação, regido pelo Edital SEPLAG/SEE nº 01/2011, gentileza entrar em contato com a Fundação Carlos Chagas, no site www.concursosfcc.com.br, item “Fale conosco” ou pelo telefone (11) 3723-4388.
Para informações e acompanhamento do concurso acesse o link: http://www.concursosfcc.com.br/concursoNovo.html

Governo do Estado de Minas Gerais
Secretaria de Estado de Educação - SEE
Novos concursos
  Última atualização desta página: 14/07/2011 17:14h (horário de Brasília)
Links e Arquivos
acrobat
Para visualizar os Arquivos PDF é necessário ter instalado o programa Acrobat Reader. Caso não tenha instalado, clique aqui para fazer o download.
Inscrições exclusivamente via Internet
Valor
- Assistente Técnico Educacional: R$ 37,41 (trinta e sete reais e quarenta e um centavos)

- Analista Educacional, Especialista em Educação Básica, Professor de Educação Básica : R$ 47,41 (quarenta e sete reais e quarenta e um centavos)


Período


Requerimento de isenção do pagamento do valor de inscrição:
de 10 horas do dia 08/08 às 14 horas do dia 12/08/2011 (horário de Brasília)

Inscrição para todos os candidatos, inclusive os que tiveram o requerimento de isenção do valor de inscrição deferido ou indeferido:
de 10 horas do dia 20/09 às 14 horas do dia 19/10/2011 (horário de Brasília)
Publicações
- Edital de Abertura de Inscrições publicado no Órgão Oficial dos Poderes do Estado de Minas Gerais, edição de 12/07/2011
Remuneração Inicial, conforme Lei Estadual n.º 18.975/2010:
- Assistente Técnico de Educação Básica - R$ 911,98 (novecentos e onze reais e noventa e oito centavos);
- Assistente Técnico Educacional - R$ 1.215,97 (um mil, duzentos e quinze reais e noventa e sete
centavos);
- Analista Educacional - R$ 2.200,00 (dois mil e duzentos reais);
- Analista Educacional - Inspeção Escolar - R$ 3.300,00 (três mil e trezentos reais);
- Especialista em Educação Básica - Orientação Educacional e Supervisão Pedagógica - R$ 1.320,00
(um mil, trezentos e vinte reais);
- Professor de Educação Básica - R$ 1.320,00 (um mil, trezentos e vinte reais). A remuneração do
cargo de Professor de Educação Básica será proporcional à carga horária, quando for o caso.
Cargos
- Assistente Técnico Educacional - ATE - Nível I - Grau A
- Assistente Técnico de Educação Básica - ATB - Nível I - Grau A
- Analista Educacional - ANE - Nível I - Grau A
- Analista Educacional - ANE - Nível I - Grau A - Inspeção Escolar
- Especialista em Educação Básica - EEB - Nível I - Grau A - Orientação Educacional
- Especialista em Educação Básica - EEB - Nível I - Grau A - Supervisão Pedagógica
- Professor de Educação Básica - PEB - Nível I - Grau A - Anos Iniciais do Ensino Fundamental
- Professor de Educação Básica - PEB - Nível I - Grau A - Arte/Artes, Biologia, Educação Física,
Filosofia, Física, Geografia, História, Língua Estrangeira Moderna (Espanhol), Língua Estrangeira
Moderna (Inglês), Língua Portuguesa, Matemática, Química e Sociologia
 
Veja mais.........
Inscrições abertas
ANCOR - Edital n° 02/2011
Exame de Certificação para Agente Autônomo de Investimento e Empregados das Instituições Financeiras

Procuradoria Geral do Estado de Mato Grosso
Procurador do Estado

Procuradoria Geral do Município de João Pessoa
Procurador do Município - Classe A

Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região
Sergipe - Analista e Técnico Judiciário
Últimos gabaritos e resultados
22/07/2011
Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte
Analista e Técnico Judiciário


18/07/2011
Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Processo de Promoção/2011


15/07/2011
Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária - Infraero
Diversos Cargos - Nível Sênior


06/07/2011

Tribunal Regional do Trabalho da 23ª Região
Mato Grosso - Analista e Técnico Judiciário


05/07/2011
Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco
Juiz Substituto

sábado, 23 de julho de 2011

Cantor faz show de protesto dentro do Rio Todos os Santos

Cantor faz show de protesto dentro do Rio Todos os Santos 

21 de Jul de 2011 - 09h59min 
Foto: H-Dois.com 

Clique para AMPLIAR
Cristiano Salazar canta em meio ao esgoto a céu aberto

A poluição do Rio Todos os Santos, que corta Teófilo Otoni, foi tema de um inusitado protesto na manhã da última terça-feira (19) em pleno centro da cidade.  
O cantor, compositor e ambientalista, Cristiano Salazar, 50 anos, desceu até as margens do rio, hoje esgoto a céu aberto, e com uma caixa de som e um violão fez um show por mais de meia hora com o objetivo de chamar a atenção em relação às péssimas condições do rio.
Com um repertório de lamento, Salazar se apresentou todo vestido de branco, simbolizando o resgate da limpeza e da purificação das águas hoje escurecidas em um triste e deprimente visual que compõe a paisagem urbana do município.
O Todos os Santos já foi navegável, limpo, recheado de peixes, mas, com o tempo, as suas águas foram secando, dando lugar ao detrito, coletor de esgoto, mato e depósito de lixo conforme constata um antigo morador da cidade. “Em nossos tempos a água não era preta, turva sim, mas abrigava lambaris e uns bagrinhos. Os mais antigos, dá pra duvidar, falam em navegabilidade, dourados e vermelhos”, revelou o comerciante Marcos Ferreira Gomes, 62 anos.
A situação foi piorando ao longo desses últimos anos  com a estiagem e o Rio Todos os Santos, sufocado por entulhos de toda natureza, agora agoniza.

Galeria


Clique para AMPLIAR
 
Clique para AMPLIAR
 
Clique para AMPLIAR
 


Eu estou postando essa matéria, mas o que não dar para mencionar e que e um visão muito engraçada uma pessoa ter coragem de descer as margens de um rio para cantar um musica...
A gente ver muito na TV artistas que fazem de tudo para aparecer como fingir separação, brigas tira a roupa toda brigas ou lançar modas ou ficar sem calcinha mostrando a periquita ou outros tipos de esquisitices. Ou criando um factóide Mas como se diz que para aparecer não existe ética e nem limites. E procurar fazer diferente uma bizarrice e torcer para alguém ver e registrar o fato. E olha eu aqui falando do assunto.....no meu site

 E olha que tem um vídeo para quem duvidar que ele tivesse coragem de fazer esse tipo de coisa...

Enviado por em 20/07/2011

Cristiano Salazar cantor e ambientalista , realizou uma apresentação musical dentro do rio todos os santos como forma de protesto, reportagem de Elvis Passos e Kassem Said






Polícia Civil prende chefe do tráfico de drogas do A.Barbosa

Polícia Civil prende chefe do tráfico de drogas do A.Barbosa 

22 de Jul de 2011 - 10h42min 
A população do bairro Altino Barbosa, na região leste de Teófilo Otoni, comemorou ontem a prisão de um dos mais procurados chefes do tráfico de drogas daquela região.
Rafael Camilo Santos, 19 anos, conhecido como “Tomate”, foi capturado por volta da 11h dentro da casa onde morava com a família e não ofereceu resistência.
Ele é suspeito do envolvimento em vários crimes ocorridos nos últimos  meses no bairro entre eles, dois homicídios e uma tentativa  onde a vítima se encontra internada no Hospital Santa Rosália depois de ser atingida por 11 disparos de arma de fogo.
“A prisão de “Tomate” foi muito importante para a Policia Civil porque, através dele, vamos elucidar alguns crimes ocorridos naquele bairro inclusive envolvendo o próprio “Tomate” como vítima e como autor uma vez que ele está diretamente ligado aos crimes ocorridos no Altino Barbosa”, ressaltou o agente Sandemberg Soares, o ‘Bel’ responsável pela equipe que capturou o traficante.


OBS: Eu não sei como e que a nossa segurança pública deixou chegar numa situação dessas (Vida de inocentes foram ceifadas) e olha que a nossa cidade não e uma capital. E eu digo que e claro que esse comércio do demônio era com certeza de conhecimento público, pois todo mundo sabe que ali naquele bairro Altino Barbosa e região os traficantes chegaram a arrumaram a barraca da morte há muito tempo. Com o consentimento do poder público e eu digo que com certeza se a segurança pública tivesse um programa de segurança publica com certeza inibiria a ação dos traficantes da área e região, pois não e só no bairro Altino Barbosa que existe esse tipo de coisa, pois esta enraizada em varias cidade. Bairro e no convívio familiar do nosso dia, dia...
tem uma frase na bíblia que diz o seguinte que o diabo só veio para roubar, matar e destruir...
e outra coisa o seguinte quem quer ver seus filhos longe das drogas...
mantenha um bom dialogo com ele... Pois se fosse não ser amigo e confidente dos seus filhos eu digo que os traficantes foram esse elo social além que falso.
pois as drogar é um passo sem volta.
evite o primeiro trago para depois não entrar de cabeça e se tornar mais destruidor de paz dentro do seu lar...
eu fico imaginando que tem pais que dão tudo que o filho quer achando que esta fazendo a coisa certa. E eu digo que não é por ai que funciona.
pois presentear um filho sem ter nada de retorno. Com certeza os pais estarão criando um homem irresponsável sem limites que terá tudo nas mãos se ter que fazer nada ou uma tarefa ou ter uma ocupação.
O maior patrimônio que um pai pode deixar para i filho são valores morais...
E isso e fato, pois aqui mesmo na cidade existe maos exemplos de filho que tinham tudo nas mãos e acabou indo para o lado ruim. Eu nem vou precisar dizer nomes, pois todo mundo sabe... Quem é... Os filhinhos de papai que colocaram fim as suas vidas com o aval dos pais. Que achavam que criar um filho e dar tudo que ele quer. E não ter nada em troca. Boa vida carrão e dinheiro para gastar.
E o que acontece depois nem precisa dizer.....

           

Tv Imigrantes ( Operação do GATE no bairro Novo Horizonte)

                
Enviado por em 19/07/2011

Grupo Gate da Pm foi recebido a bala no Bairro NOvo Horizonte, reportagem de Elvis Passos e Kassem Said




              

Tv Imigrantes ( Redutores de Velocidade Bairro Filadelfia) 

  Enviado por em 22/07/2011

Os redutores de velocidade no bairro Filadelfia estão deficientes , reportagem de Elvis Passos e Kassem Said


l




Tv Imigrantes (Autor de Disparos contra PM é preso) 

 

Enviado por em 19/07/2011
Um homem de 25 anos do BAirro Novo Horizonte que efetuou disparos contra a PM , foi preso por MIlitares do 19º BPM, reportagem de Elvis Passos e Kassem SAid



Teófilo Otoni realiza III Festa da Descendência Alemã

Teófilo Otoni realiza III Festa da Descendência Alemã 

22 de Jul de 2011 - 11h37min 
Foto: Divulgação 
Clique para AMPLIAR
A festa já faz parte do calendário cultural do município

A  Prefeitura Municipal de Teófilo Otoni, por meio de sua Secretaria de Educação e Cultura/ Divisão de Cultura, e a Associação dos Descendentes de Alemães em Teófilo Otôni (ACDATO) realizarão a III Festa da Descendência Alemã no Município.
O evento será no próximo sábado (23), a partir das 18h, na Praça Germânica.
A festa tem como objetivo a valorização, preservação e divulgação das tradições culturais no município, fazendo parte do calendário cultural local.
A prefeita Maria José Haueisen Freire, que apoia o evento, também é uma descendente alemã.
Os primeiros alemães chegaram a Teófilo Otôni em 1856. Mas somente no dia 18 de abril de 1989, pela Lei 3.085, foi implantada a Festa da Descendência Alemã (Fest Der Deuteschen Abstammung). E, há três anos, foi criada a Associação, que deu condições para o sucesso da festa.
Durante o evento haverá praça de alimentação com comidas típicas da Alemanha, chopp, apresentação de danças típicas, exposição de produtos artesanais e orquídeas produzidas na cidade. Acontecerá, ainda, eleição da rainha e princesas e muita música.

Fonte: Assessoria da Prefeitura de Teófilo Otoni

 

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Ocorrências policiais (Julho de 2011)Teófilo Otoni-MG

Telefone atrai para emboscada

Uma tentativa de homicídio foi registrada na Rua Joaquim Marques de Aguilar no Bairro Altino Barbosa . Um homem identificado como Gildemar Freire, vulgo  Dema, de 51anos foi atacado por dois indivíduos em uma motocicleta.

Os elementos  se aproximaram da vítima e fizeram vários disparos acertando o alvo em diferentes parte do corpo. 

O delegado Bernardo de Barros, que se encontrava de plantão, foi avisado da tentativa de homicídio. Em poucos minutos ele convocou a equipe de investigadores e determinou que empreendessem esforços para localizar os suspeitos.
Dema está internado em hospital da cidade e não corre risco de morrer.

http://www.tonoticias.jor.br/?secao=ler_noticia&ID=8273


Postado em 17/07/2011 às 23:48 hs

Homem morre carbonizado em batida frontal

A BR 116, na região da Lajinha, foi cenário de mais uma tragédia. Uma colisão envolveu uma carreta e um carro de passeio. Equipe do Corpo de Bombeiro tiveram muito trabalho para debelar o incêndio. O condutor do carro veio a morre carbonizado e preso entre as ferragens.
O motorista da carreta, Luis Teixeira, ao perceber que o veículo pegou fogo, saiu as pressas da cabine do caminhão. O acidente foi registrado no KM 292,3 da BR 116, por volta de 22:30 hs. de ontem (16).
A equipe do IML de Teófilo Otoni teve que esperar militares do Corpo de Bombeiros removerem o corpo de Orestes Rodrigues das ferragens do carro que dirigia. Orestes Rodrigues de Souza de 30 anos foi sepultado na tarde de hoje em Teófilo Otoni.

http://www.tonoticias.jor.br/?secao=ler_noticia&ID=8274




Tv Imigrantes (Autor de Disparos contra PM é preso) 

 


Um homem de 25 anos do BAirro Novo Horizonte que efetuou disparos contra a PM , foi preso por MIlitares do 19º BPM,

 Eu achei muito engraçado e quando a viatura chega da operação os dois policiais muito apressados...
 E muito engraçado Agora uma coisa eu não posso deixar de observar que o repórter diz que foi uma ocorrência de alta complexidade...! E uma mulher fardada disse que essa ocorrência tem um ALTO GRAU de periculosidade a pessoa que foi presa hoje.
 
O rapaz foi detido com duas armas. E não com um arsenal. Mas vamos dar um desconto a policia de Teófilo Otoni não esta acostumada com muitas apreensões de armamentos.

 Se a reportagem não tivesse mostrado o rosto desse rabujo que foi preso EstiloLadrão de galinha eu acreditaria que era talvez um integrante doPCC

comando vermelho ou al qaeda eu tenho certeza que nenhum desses policiais de Teófilo Otoni (19º BPM ) nunca enxergaram um bandido de verdade tipo fernandinho beira mar  par dizer uma bobagem dessas. Um ladrão de galinha igual a esse ser chamado de perigoso... kkkkkkkkkkkk